O que é branded content e como ele pode ser poderoso?

imagem da frente de um carro vermelho de luxo

Você já ouviu falar em branded content? Pode nunca ter ouvido esse termo, mas certamente foi impactado por ações desse tipo em algum momento.

Nessa estratégia de marketing, a campanha foca seus esforços para divulgar uma marca e tudo o que está ao redor dela. Não é necessariamente uma venda, mas ajuda o leitor a se lembrar de determinada empresa e os valores que ela quer passar.

Entre os principais objetivos do uso do branded content estão ajudar a empresa a divulgar seus valores, elevar o posicionamento no mercado e incutir nas pessoas uma lembrança boa da marca.

Para que tudo isso ocorra, a empresa aposta em uma ação que aguce a curiosidade e surpreenda o consumidor, por meio de mensagens reflexivas, emotivas ou divertidas.

Geralmente o branded content usa o meio digital para trabalhar, pois depende do engajamento do público para medir o seu sucesso. Ou seja, se a iniciativa “cai na boca do povo” e é espontaneamente compartilhada, significa que deu certo.

 

Cases e um pouco de história

O branded content foi apresentado ao mundo em 2001. De acordo com o livro Marketing de Conteúdo – A Moeda do Século XXI, de Rafael Rez, nesse ano a BMW lançou uma série de filmes chamada The Hire, onde um automóvel da marca era sempre o coadjuvante.

Importantes diretores foram convidados para preparar os roteiros e o ator Clive Owen fazia o motorista em todos os filmes. O material foi disponibilizado para download na época e fez um sucesso imenso. Um ano depois, em 2002, o conceito de branded content ficou conhecido no mundo todo.

Confira alguns cases de branded content que se destacaram no mercado:

 

The Hire – BMW

Um dos filmes que compõe a série estralada por Clive Owen com participação de celebridades e dirigido por nomes de peso como Ang Lee e Guy Ritchie. Conforme citamos anteriormente, foi lançado em 2001 e abriu as discussões sobre o que é branded content. Ação divulga o produto e a força da marca.

https://www.youtube.com/watch?v=VFMrZQgYMi8

 

Obrigado, Mãe – P&G

A marca aproveitou os Jogos Olímpicos Rio 2016 para falar do papel da mãe e do conceito de proteção que a marca pretende passar por meio de seus produtos.

https://www.youtube.com/watch?v=rdQrwBVRzEg

 

Always – Like a Girl

Campanha de marca de absorventes transmite valores como empoderamento feminino, reforça a importância da mulher na sociedade e lembra que ela pode realizar coisas incríveis.

https://www.youtube.com/watch?v=XjJQBjWYDTs

 

Diferença entre branded content e marketing de conteúdo

Muitas pessoas ainda confundem os dois conceitos, mas eles possuem contextos e objetivos diferentes.

O branded content foca na marca em si e reforça suas ideologias e produtos para o grande público, sem necessariamente levar o consumidor à compra. Além disso, é um trabalho desenvolvido dentro de um cronograma, pois tem começo, meio e fim.

Já o marketing de conteúdo usa o chamado funil de vendas para criar um relacionamento contínuo com o consumidor e levá-lo a efetuar a compra do produto.

Um dos principais objetivos do marketing de conteúdo é tornar a empresa uma autoridade em seu segmento, uma vez que por meio de conteúdos relevantes a marca educa seus consumidores fiéis e em potencial. Além disso, o marketing de conteúdo aumenta o alcance orgânico da empresa nas buscas feitas no Google. Para esse caso, você pode recorrer às técnicas de SEO.

Por meio de ações planejadas a curto, médio e longo prazos, os profissionais focados em marketing de conteúdo utilizam blogs, postagens em redes sociais, vídeos, e-books, infográficos e outras estratégias para instruir o consumidor. E este, abastecido de informações, adquire o produto, ciente de que está fazendo um bom negócio.

Para se ter uma ideia, apostar em marketing de conteúdo é tão importante para um negócio que 71% das empresas já adotam alguma estratégia do tipo, de acordo com o Content Trends 2017, estudo divulgado pela Rock Content.

Nas duas estratégias as empresas contam com agências de marketing digital, que possuem profissionais preparados para planejar as ações, executá-las e mensurá-las de maneira mais assertiva.

 

Branded content vs Marketing de conteúdo

Não há como dizer se o branded content é mais eficiente que Marketing de Conteúdo ou vice-versa, porque ambas as ações dependem do objetivo que a marca deseja alcançar.

Para facilitar, vamos reforçar as informações.

Uma empresa opta pelo branded content se deseja:
– Reforçar ou renovar valores
– Divulgar novos produtos
– Ser lembrada pelo consumidor

E aposta em estratégias de marketing de conteúdo se quer:
– Tornar-se autoridade no seu segmento de atuação
– Reduzir os custos para atrair clientes
– Destacar-se nas buscas orgânicas do Google

E então, qual dessas estratégias é importante para o seu negócio neste momento? Se precisar de uma consultoria de marketing digital, venha conversar com a gente!

Gostou do nosso artigo? Então deixe aqui seus comentários e compartilhe seu conhecimento com outros usuários que acessam nosso site. Envie também sua sugestão para novos artigos do blog e compartilhe em suas redes sociais. Sua participação é sempre bem-vinda.

Leia Também

Não fique para trás, mantenha-se atualizado sobre o universo digital

Agende uma reunião e conte seus objetivos

Nossos consultores irão mostrar como levar sua estratégia digital ao próximo nível.